sábado, 31 de janeiro de 2009

Goiânia simula trajeto de vistoria de representantes da Fifa e da CBF

Em simulação de segurança e trajeto, mais de 70 policiais realizaram, na manhã de ontem, o percurso que representantes da Fifa e da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) farão na terça-feira em Goiânia. A inspeção-teste para a vistoria para a Copa de 2014 conseguiu cumprir visita a oito pontos-chaves da cidade no tempo previsto de 1h20, respeitando as paradas de 10 minutos programadas pela comissão no Paço Municipal e no Estádio Serra Dourada.

Os mais de 30 quilômetros do roteiro foram percorridos e estudados por 16 agentes de trânsito motorizados, que vão assegurar a passagem da comissão pelas ruas da cidade. Do Aeroporto Santa Genoveva ao Paço Municipal, onde a comissão se encontrará com o prefeito Iris Rezende, porém, o tempo previsto de 10 minutos não foi cumprido. A equipe levou cerca de 15 minutos neste trajeto por conta do excesso de veículos – considerado alto pela Polícia Rodoviária Federal (PRF).

“É apenas um teste. Vimos que o trânsito na BR-153 exige mais esforços para que o tempo exigido pela Fifa na inspeção seja cumprido”, avaliou o coordenador das operações policiais e chefe do gabinete militar do governo, coronel Sebastião Vaz. “Os cinco minutos ultrapassados no primeiro percurso foram recuperados na passagem pela Avenida República do Líbano, no Setor Oeste. Esta será a estratégia, caso algo nos atrase.”

Quatro helicópteros, três viaturas da Polícia Militar, uma da PRF e duas do Corpo de Bombeiros deram suporte à operação. Em todos os pontos, o presidente do Comitê Executivo para a Copa de 2014 em Goiânia (Coexgyn), Barbosa Neto, afirmou que a delegação da Fifa sairá em duas comissões do aeroporto. Uma com itinerário terrestre e outra para um passeio aéreo. “Se a cota definida pela Fifa é verde, a cidade com maior volume de área verde é Goiânia. O verde terá destaque para os que estiverem nos helicópteros e nos carros”, disse.

Café 
Antes da simulação da inspeção, o prefeito Iris Rezende recebeu os membros do Coexgyn em café da manhã no Paço. Representando o governo, o secretário de Planejamento, Oton Nascimento, garantiu que o Estado e a prefeitura levantarão todos os procedimentos e mais R$ 3 bilhões para atender às exigências da Fifa. Iris enalteceu os times da capital e o trabalho da administração municipal, dizendo que “as melhorias de hoje devem contribuir para 2014”. “Estamos empenhados na luta para que Goiânia seja uma das escolhidas como sede.”

O secretário municipal de Turismo, Euler Morais, afirmou que, com o apoio do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), já tem aprovada uma Carta Consulta no valor de US$ 50 milhões para dotar Goiânia de estrutura e serviços turísticos para a Copa. “Goiânia dará um salto enorme, não só em 2014, mas antes.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Loading...